‘Minha Casa’ tem menor verba desde 2009




MINHA CASA MINHA VIDA

Com a forte restrição fiscal, os recursos públicos destinados ao atendimento de famílias de baixa renda do programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV) estão minguando. Encaminhada pelo governo ao Congresso Nacional no fim de agosto, a proposta de Orçamento para 2019 prevê a destinação de R$ 4,6 bilhões para o principal programa habitacional do país, o menor patamar já proposto desde 2009, quando o MCMV foi lançado.

O ministro das Cidades, Alexandre Baldy, disse ao Valor que vai atuar com os parlamentares para elevar os recursos para o programa no ano que vem, assim como fez em 2017. “Irei fazer da mesma forma, lutar arduamente junto aos deputados e senadores para que possamos ampliar o orçamento de 2019, para que no mínimo esteja no mesmo patamar do de 2018”, afirmou. Para este ano, a PLOA do governo previa uma verba de R$ 5,272 bilhões, segundo levantamento feito pela consultoria do orçamento da Câmara.

Share this

Related Posts

Compartilhe esta postagem