RN terá sistema para monitorar clima



O sistema que monitora o clima no Rio Grande do Norte está em processo de atualização, e a expectativa da Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) é que a partir de 2019 os dados sobre a quantidade de chuvas, temperatura, ventos, umidade relativa do ar, pressão atmosférica e irradiação solar serão coletados e transmitidos diariamente de forma automática.

A tecnologia necessária para automatizar o monitoramento meteorológico foi toda desenvolvida pela própria Emparn, e a fase de testes dos equipamentos já está superada – até o mês de novembro deste ano, o órgão pretende iniciar a análise dos dados enviados por 100 telepluviômetros e 15 estações a serem instaladas em pontos estratégicos do Estado.

O investimento total do projeto bate na casa dos R$ 7 milhões, garantidos através de financiamento do Banco Mundial. Esse valor inclui o desenvolvimento do software que irá processar os dados coletados.

Share this

Related Posts

Compartilhe esta postagem