Igreja Universal indenizará por coação para pagamento de dízimos

Igreja Universal indenizará por coação para pagamento de dízimos

A 3ª turma do STJ, em decisão unânime, votou pelo desprovimento do recurso da Igreja Universal contra condenação de pagar R$ 20 mil de danos morais a um casal e restituir os bens vendidos por coação para o pagamento de dízimos.
A mulher teria sido induzida pelos pastores a desfazer-se de seu patrimônio para realizar os pagamentos, sob falsas promessas de retribuições divinas, o que a teria colocado em estado de miserabilidade.
A relatora, ministra Nancy Andrighi, destacou logo no início do voto que o casal de noivos estava construindo a casa própria, em cidade pequena de colonização alemã, e que se pode verificar do acórdão que “houve extensa produção de prova testemunhal”, com transcrição de vários depoimentos.
Entre os bens doados, celulares, impressora, fax, ar condicionado e até uma cozinha inteira – esta última a Igreja devolveu. A mulher também vendeu rapidamente um carro, que valia cerca de R$ 15 mil, por apenas R$ 5 mil, e doou o dinheiro.
Quanto ao dano moral, Nancy ponderou que não era o caso de alterar o acórdão recorrido. Ao acompanhar a relatora, o ministro Sanseverino acrescentou: “É o tipo de fato controvertido em que a prova é essencialmente testemunhal. Eu até sugeriria melhorar o valor da indenização por dano moral, mas não se pode alterar por ausência de recurso dos demandantes.”
A decisão da turma foi unânime.
Processo: REsp 1.455.521
Migalhas

Compartilhe esta postagem

VÍDEO: Leitor senta para comer no McDonald’s em Natal e quase engole um parafuso que estava dentro do sanduíche




Um leitor enviou ao BlogdoBG um registro surpreendente: ele achou um parafuso dentro de Cheddar McMelt, do McDonald’s.

O fato aconteceu na unidade do Natal Shopping, no domingo (25).

“Na metade do sanduíche senti que mordi algo duro e grande. Quando tirei da boca era um parafuso”, explicou o leitor, que afirmou ainda ter sido convidado pelo gerente da loja para conhecer a cozinha e os procedimentos de segurança.

Ainda conforme o relato, o gerente pediu para ficar com o parafuso e reportar ao supervisor regional para identificar o que pode ter acontecido.
Via BG

Compartilhe esta postagem

Compartilhe esta postagem

Tentativa de golpe contra Batata, mesmo frágil, continua em andamento.

Tentativa de golpe contra Batata, mesmo frágil, continua em andamento.

BATATABaseado em denúncia frágil, a tentativa de golpe contra o prefeito Robson Araújo, o Batata, continua em andamento. Segundo se comenta nas rodas políticas, a denúncia feita para ser analisada pela Câmara Municipal contra o atual prefeito, não tem nenhuma consistência ou embasamento legal que possa comprometer a atual gestão.
O pagamento da energia feito pela prefeitura, do açougue e de outros locais que procura sustentar a frágil denúncia feita por Felipe Costa, não tem nenhum indício de nada que tenha sido feita ilegalmente ou mesmo desrespeitado a legislação, pois esse é um ato corriqueiro e foi praticado pelos antecessores de Robson, como Bibi Costa e Roberto Germano, sem que tenham sofrido nenhuma penalidade por isso.
Começa a surgir nos meios políticos, a suposição de que o jovem Felipe Costa, possa estar sendo instrumentalizado para servir a interesses escusos, como uma tentativa de golpe para afastar o prefeito Batata. Nesse caso, tendo sido eleito democraticamente pelo povo, o prefeito seria afastado e a prefeitura entregue a outro grupo político, desrespeitando, através do golpe arquitetado por esses políticos, a vontade do povo que se pronunciou nas urnas.
Segundo se comenta, nem a própria denúncia denúncia entregue à Câmara Municipal, teria sido redigida por Felipe Costa, mas sim por assessores do grupo político, que supostamente quer tomar o poder através do golpe. Segundo se fala, o ministério público pode a qualquer momento convocar Felipe Costa, para prestar esclarecimentos sobre o assunto.
Via Blog do Seridó 
Compartilhe esta postagem

Bolsonaro lidera corrida pela presidencia em São Paulo, segundo pesquisa.

Bolsonaro lidera corrida pela presidencia em São Paulo, segundo pesquisa.

BolsonaroO deputado Jair Bolsonaro, pré-candidato à Presidência da República, lidera a corrida na disputa pelo Palácio do Planalto, em São Paulo, maior colégio eleitoral do país. O levantamento do Instituto Paraná foi divulgado nesta quarta-feira pelo site de “Veja”.
Bolsonaro bate até mesmo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que liderava pesquisas feitas por outros institutos no ano passado, e o governador paulista Geraldo Alckmin.
O Instituto Paraná analisou cenários com diferentes candidatos do PT. Embora o partido sonhe em lançar Lula, a decisão dependerá da Justiça, já que o ex-presidente foi condenado em segunda instância e, teoricamente, está impedido pela Lei da Ficha Limpa.
No primeiro cenário, com Lula sendo o candidato, Bolsonaro aparece com 22,3% das intenções de voto, seguido por Alckmin (20,1%). O líder petista aparece em terceiro lugar com 19,7%, seguido por Marina Silva (8,8%), Ciro Gomes (5,3%), Álvaro Dias (3,6%), Rodrigo Maia (1,1%), Henrique Meirelles (1%), Fernando Collor (0,8%), João Amoêdo (0,7%), Manuela Dávilla (0,5%), Guilherme Boulos (0,4%) e Levy Fidelix (0,4%).
Num outro cenário, com o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad como candidato petista, Jair Bolsonaro lidera com 23,4% das intenções de voto, seguido Geraldo Alckmin (22,1%), Marina Silva (12,3%), Ciro Gomes (6,5%), Fernando Haddad (6%), Álvaro Dias (3,8%), Rodrigo Maia (1,3%), Fernando Collor (1,1%), Henrique Meirelles (1%), João Amoêdo (0,7%), Levy Fidelix (0,7%) e Guilherme Boulos (0,5%).

Compartilhe esta postagem

TRF-4 nega novo pedido da defesa de Lula para afastar Moro de processo da Lava Jato

TRF-4 nega novo pedido da defesa de Lula para afastar Moro de processo da Lava Jato

Lula é réu em processo após acusação do Ministério Público Federal apontar recebimento ilegal de apartamento e terreno pela Odebrecht (Foto: Mauro Pimentel/AFP/Arquivo)
8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negou nesta quarta-feira (28) o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para afastar o juiz federal Sérgio Moro da condução do processo em que ele é réu por recebimento de propina da Odebrecht.
A corte já havia julgado pedidos de exceção de suspeição contra o juiz federal anteriormente. O último foi em dezembro do ano passado. Todos foram negados.
Desta vez, o pedido foi feito com base em uma palestra proferida pelo magistrado. A defesa de Lula entendeu que houve “eventual aconselhamento das partes”, pois nessa palestra Moro teria aconselhado a Petrobras, que funciona como assistência da acusação em diversas das ações penais da Lava Jato.
O relator, desembargador João Pedro Gebran Neto, considerou que o que houve foi uma palestra aberta ao público em geral, que não guardava relação com o processo penal. Por isso, negou o pedido.
O desembargador Leandro Paulsen também não viu vinculação direta com o processo em questão ou qualquer relação mais próxima do juiz com a parte.
O juiz Nivaldo Brunoni, que substitui o decano Victor Laus, que está de férias, também acompanhou o relator.
A ação trata da acusação contra Lula de receber propina da empreiteira por meio de dois imóveis: um terreno em São Paulo, que seria usado para a instalação do Instituto Lula, e um apartamento vizinho à residência do ex-presidente, em São Bernardo do Campo, em São Paulo.
Esta é a segunda ação em que Lula virou réu na Operação Lava jato. A propina seria fruto de negociações de oito contratos da Petrobras com a empreiteira.
Em janeiro deste ano, o ex-presidente foi condenado em segunda instância acusado de receber um apartamento triplex como propina da empreiteira OAS. Em decisão unânime, o TRF-4 decidiu manter a condenação da primeira instância e aumentar a pena de Lula para 12 anos e 1 mês.
Na semana passada, a defesa de Lula ingressou com o recurso de embargos de declaração no processo do triplex, e aguarda julgamento.
G1
Compartilhe esta postagem

Garibaldi não vai reeditar dobradinha e abandona Agripino na eleição para o senado em 2018

Garibaldi não vai reeditar dobradinha e abandona Agripino na eleição para o senado em 2018

O BlogdoBG teve a confirmação na tarde desta terça-feira que está definido por parte do Senador Garibaldi Alves filho que a dobradinha com o Senador José Agripino não se repetirá em 2018.
O que teria levado a posição do senador do MDB são as reuniões com lideranças políticas e com parlamentares que tem mostrado que uma dobradinha dos dois senadores com vários mandatos colocam à reeleição dos dois em riscos além de deixar o palanque vulnerável devido às investigações, e o tempo que ambos estão na política causando um desgaste natural.
O BlogdoBG teve acesso a duas pesquisas realizadas no mês de fevereiro por dois institutos diferentes em todo RN, em ambas a situação do democrata não é confortável ficando atrás no 1º voto e no 2º voto já com uma certa diferença em favor da Deputada Federal Zenaide Maia que será candidata a senadora

Compartilhe esta postagem

Bebê doado em caixa de sapato virou juiz em João Pessoa, na Paraíba

Bebê doado em caixa de sapato virou juiz em João Pessoa, na Paraíba


Era uma pequena caixa de sapato. Dentro, havia um menino com poucos dias de vida. A mãe segurava firme a acomodação improvisada e oferecia a criança a quem passava. Aquele foi o último encontro entre ela e o filho. No mesmo dia, o bebê foi entregue a uma desconhecida. A doação aconteceu em uma praça, no centro de João Pessoa, na Paraíba. Daquele dia em diante, o bebê recebeu abrigo, alimento, educação e amor de uma outra família. José Fernando Souza gosta de contar essa história em suas andanças. Ele é a criança da tal caixa de sapato. Está hoje com 58 anos. Tornou-se juiz.
José Fernando foi o único filho de uma dona de casa e de um policial militar, hoje falecidos. Não teve fartura material em casa. Mas lembra da dedicação e do carinho dos pais que lhe abrigaram. E isso faz toda a diferença para qualquer criança, defende. O juiz costuma ser chamado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) para contar sua trajetória nas palestras do Programa Eleitor do Futuro, uma iniciativa cujo objetivo é abordar junto a estudantes de escolas públicas temas como a história do voto no Brasil, a participação cidadã e a formação de um jovem crítico. “Na palestra, coloco a história da caixa de sapato como se não fosse a minha história. Relato o caso de uma senhora que vem do interior da Paraíba e vai morar na capital. Ela, muito pobre e sem o marido, que tinha ido para São Paulo, engravidou de um homem casado. No final, conto que eu sou a criança entregue para adoção.”
A ideia de José Fernando é propagar o que ele chama de estímulo a jovens sem muita perspectiva de futuro diante das dificuldades impostas pela pobreza. “Se eu, que fui pego em uma caixa de sapato na rua, consegui superar os obstáculos da vida e cheguei a juiz, muitos jovens também conseguem se tiverem um objetivo. Tudo o que meus pais me dedicaram foi fundamental. Mesmo pobres, oportunizaram para mim tudo o que estava ao alcance deles. Sempre senti muito amor deles.”
Antes de tornar-se juiz da Infância e Juventude de Caruaru, onde mora hoje, José Fernando foi juiz da Vara da Fazenda, na mesma cidade, e analista judiciário no Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba. Quando veio morar em Pernambuco, tinha 34 anos e já estava casado com Maria de Lurdes Ferreira, com quem teve três filhos, dois advogados e uma médica.
José Fernando não voltou a encontrar a mãe biológica. Nunca sentiu vontade. Nem mesmo mágoa. “Como ter raiva de alguém que não te matou, não te jogou no rio, ficou ali nove meses contigo na barriga, teve as dores do parto, pariu e deu para alguém criar? Ela se viu grávida de um homem casado, não podia voltar para o interior naquelas condições. Era década de 1960. Seria apedrejada em praça pública.”
Hoje, as mães que, por algum motivo, não desejam exercer a maternidade de uma criança podem entregar o bebê nas Varas da Infância dos municípios onde moram sem serem criminalizadas pelo ato. O abandono em via pública, no entanto, é crime. Onde atua, José Fernando encontra histórias parecidas com a sua. Na semana passada, participou de mais uma audiência envolvendo uma mulher que entregou o filho para adoção. “Se a pessoa nos procura espontaneamente, é recebida. A única coisa que posso esperar é que apareça alguém bem intencionado para levar a criança para casa. Eu sou um grande incentivador da adoção.”
José Fernando ainda tem três anos de magistratura pela frente. Diz que deseja continuar fazendo algo valioso para o próximo. A Vara da Infância e Juventude, diz ele, tem sido o canal para atingir seu objetivo. “É uma porta que Deus me oportunizou. Como juiz da Fazenda, vivia confortável, sem enfrentar qualquer tipo de problema social. De repente, tudo mudou”, lembra. Porque a felicidade e a realização nem sempre fazem morada onde parece óbvio.

Correio Braziliense

Compartilhe esta postagem

Deputado Vivaldo Costa rebate críticas do vice-prefeito de São Fernando Reginaldo em seu programa contra senadora Fátima Bezerra.

Deputado Vivaldo Costa rebate críticas do vice-prefeito de São Fernando Reginaldo em seu programa contra senadora Fátima Bezerra.

Resultado de imagem para fotos do deputado vivaldo costa com vereador de são fernando reginaldo

Em seu programa de ontem na Rádio Caicó, o deputado Vivaldo Costa, respondeu a críticas que  vice-prefeito de São Fernando Reginaldo Araújo fazia à  senadora Fátima Bezerra, ao dizer que não sabia de nada feito pela parlamentar no Rio Grande do Norte.

Ao responder aos críticas do vice-prefeito aliado, Vivaldo Costa disse que não era eleitor de Fátima Bezerra, mas não podia deixar de reconhecer o grande trabalho de Fátima Bezerra em prol do estado, é que se fosse  responder aos questionamentos de Reginaldo, o horário do programa não seria suficiente pra listar todas aos obras e ações da senadora, citando apenas  os  Institutos Federais de Educação espalhados pelo RN.

Tudo começou, quando o deputado Vivaldo Costa, pediu aos participantes do programa, uma sugestão em quem o parlamentar deveria votar para governador, entre os nomes de: o Atual vice-governador, Fábio Dantas, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, e a atual senadora Fátima Bezerra. Reginaldo queimou Carlos Eduardo dizendo que não votava em ALVES nem  na  senadora Fátima. Já o ex-vereador de Jardim de Piranhas, Jarles Cavalcanti, defendeu que o deputado Vivaldo Costa, deveria seguir a vontade de juventude é apoiar a senadora Fátima Bezerra para o governo.

Via Chico Gregório 
Compartilhe esta postagem

Prefeito de Jucurutu aposta em capacitação para profissionais de saúde


A Prefeitura de Jucurutu continua com o ciclo de treinamento em atendimento pré-hospitalar (APH) para os servidores do Hospital Maternidade Terezinha Lula de Queiroz Santos. A empresa Fox Resgate é a responsável pela capacitação com enfermeiros, técnicos de enfermagem e condutores de ambulância.
Foram dois dias intensos de treinamentos para o atendimento pré hospitalar, com assistência a vítimas de traumas e paradas cardíacas. O próximo módulo do treinamento será nos dias 03 e 04 de março, com a simulação de um acidente de trânsito, onde os profissionais do hospital irão atender as vítimas no local, seguindo com o transporte para a sala de estabilização no pronto socorro.
O prefeito Valdir Medeiros, que também era funcionário do Hospital, está acompanhando a capacitação profissional. “O objetivo é garantir conhecimento atualizado, agilidade e eficiência aos servidores e, cada vez mais, ter um atendimento humanizado naquela casa de saúde”, destacou o prefeito de Jucurutu. A secretária de Saúde, Márjorie Ovídio, confirma que os treinamentos serão contínuos no Município.








Compartilhe esta postagem

Ex-prefeito de Mossoró é condenado por peculato

Ex-prefeito de Mossoró é condenado por peculato

O ex-prefeito de Mossoró, Francisco Silveira Júnior, foi condenado a quatro anos e dois meses de reclusão pela prática de peculato, que consiste na subtração ou desvio, por abuso de confiança, de dinheiro público ou de coisa móvel apreciável, para proveito próprio ou alheio.
A sentença foi do juiz Cláudio Mendes Júnior da 3ª Vara Criminal de Mossoró e o crime foi descoberto na Operação Sal Grosso.
A pena será cumprida em regime semi-aberto por causa do tempo da condenação, mas o juiz o juiz permitiu que Francisco Júnior permaneça solto, pois entendeu não haver necessidade de sua prisão preventiva.
O Ministério Público é o autor da ação e a a investigação tem origem na operação deflagrada em 31 de julho de 2007, para investigar supostas condutas criminosas praticadas pelos vereadores do Município de Mossoró.
O MP diz houve o desmembramento do procedimento de investigação devido ao elevado volume de documentos apreendidos, sendo que um desses originou um outro Procedimento Investigatório Criminal na mesma 11ª PJPP, instaurado para apurar possíveis praticas criminosas relativas aos desvios em proveito próprio de recurso financeiros liberados mensalmente aos parlamentares da Câmara Municipal de Mossoró a título de verbas de gabinete.
Segundo a acusação, “entre janeiro de 2005 a julho de 2007, no Município de Mossoró/RN, Silveira Júnior, no exercício do mandato de vereador daquela cidade, com a colaboração de Sebastião Fagner Silveira, João Newton da Escóssia Júnior e Edilson Fernandes da Silva, desviou, em proveito próprio, recursos financeiros liberados mensalmente aos parlamentares da Câmara Municipal de Mossoró a título de verba de gabinete, destinando, para si, dinheiro público reservado ao custeio das despesas necessárias ao funcionamento do gabinete parlamentar”.
Ainda segundo a denúncia, com a colaboração dos demais agentes, o ex-prefeito desviou R$ 75.924,67, em prejuízo do patrimônio público de Mossoró/RN, que atualizados monetariamente até dezembro de 2015, totalizam R$ 155.100,15.
De acordo com o MP, os recursos desviados pelo acusado fazem parte da chamada verba de manutenção de gabinete, uma espécie de suprimento de fundos que tem por objetivo recompor as despesas excepcionais assumidas pelo vereador e utilizadas no exercício de suas atividades parlamentares.
Materialidade e a autoria comprovadas
Para o juiz Cláudio Mendes Júnior, a prova documental constante nos autos, aliadas aos depoimentos testemunhais, mostra-se absolutamente robusta e suficiente para atestar a materialidade e a autoria em relação ao acusado Francisco José Lima Silveira Júnior do crime de peculato na modalidade desvio.
Segundo o juiz, a materialidade do delito está comprovada pelo Relatório Conclusivo de Cooperação Técnica nº 07/2015/GAECOMPRN, em extratos bancários, notas de empenho e recibos, além dos Laudos Periciais, onde atestam que o acusado recebeu os valores sem apresentar nenhum comprovante de utilização da verba de gabinete.
O magistrado esclareceu que as provas constantes nos autos denotam que o acusado Silveira Junior, no período concernente aos anos de 2005 a 2007, em conluio com seu chefe de gabinete, Sebastião Fagner Silveira Lima de Oliveira, desvirtuou todo o procedimento previsto na Resolução 002/2001 – CMM, com a finalidade de desviar os numerários concedidos a título de verbas de gabinete.
Compartilhe esta postagem

Acompanhe os Registros de Chuvas no Seridó e Paraíba Ontem Segunda - Feira (26)

Acompanhe os Registros de Chuvas no Seridó e Paraíba Ontem Segunda - Feira (26)

As chuvas banharam várias comunidades do Seridó e sertão da Paraíba, na segunda-feira (26). Confiram os registros pluviométricos:
Sítio Pitombeira (Serra Negra do Norte) – 130 mm
Sítio Pedra Cal (Serra Negra do Norte) – 65 mm
Arapuá (Serra Negra do Norte) – 100 mm
Sítio Alecrim (Serra Negra do Norte) – 30 mm
Angicos (Serra Negra do Norte) – 35 mm
Carrapateira (Caicó)  – 10 mm
Maria Tacaca (Jardim de Piranhas) – 10 mm
Entre Serras (Serra Negra do Norte) – 30 mm
Barra da Carnaúba (Serra Negra do Norte) – 90 mm
Batalha (Jardim de Piranhas) – 15 mm
Conceição (Serra Negra do Norte) – 60 mm
Granja Santa Izabel (Sabugi) – 8 mm
Sítio Rolinha (Serra Negra do Norte) – 95 mm
Residência de Zé Preto na Av. Rio Branco (Caicó) – 28 mm
Maria Tacaca (Timbaúba dos Batistas) – 22,5 mm
Sítio Saquinho (Caicó) – 25 mm
Vila Altiva (Caicó) – 25 mm
Bairro São José (São João do Sabugi) – 13 mm
Fazenda Santa Casa (Belém do Brejo do Cruz) – 20 mm
Frutuoso (Serra Negra do Norte) – 100 mm
Bairro Darci Fonseca (Caicó) – 20 mm
Ipueirinha (São João do Sabugi) – 16 mm
Fazenda Boa Vista (Serra Negra do Norte) – 110 mm
Timbaúba dos Batistas – 12 mm
Bairro Maynard (Caicó) – 20 mm
Sítio Quartinho – 27,5 mm
Barra dos Cachos (São João do Sabugi) – 30 mm
Riacho da Timbaúba – 38 mm
Sítio Jatobá (Serra Negra do Norte) – 90 mm
São João do Sabugi – 12 mm
Sítio Campo Grande – 12 mm
Martins – 40 mm
Pombal – 150 mm
Sítio Nova Vida (Serra Negra do Norte) – 150 mm
Jerusalém – 20 mm
Rolinha (Serra Negra do Norte) – 81 mm
Barra da Maniçoba  (Serra Negra do Norte) – 70 mm
Brasilgás (Caicó) – 32 mm
IPE (Caicó)  – 20 mm
Ramada (São Fernando) – 4 mm
Sítio Manhoso – 13 mm
Bairro Paraíba (Caicó) – 25 mm
Por Paulo Júnior – Jornal Correio do Seridó
Compartilhe esta postagem

Município de Caicó recebe imóvel da união onde funcionou antigo IBAMA

Município de Caicó recebe imóvel da união onde funcionou antigo IBAMA

batata_ibamaO prefeito de Caicó, Batata Araújo, assinou nesta terça-feira (27), na Secretaria de Patrimônio da União em Natal, o termo de recebimento dos imóveis localizados no bairro Paraíba, onde funcionou a antiga sede do IBAMA.
A prefeitura iniciou em 2017 um processo para recebimento do prédio e, após aprovação do Ministério do Planejamento, foi feito a publicação no Diário Oficial da União autorizando a cessão do espaço por vinte anos.
“Com esse prédio iremos devolver espaços alugados onde funcionam a secretaria de Meio Ambiente e também de Infraestrutura e, assim, economizar recursos para investir em ações prioritárias”, disse o prefeito Batata.
Via Blog do Seridó
Compartilhe esta postagem

Prefeitura investe em treinamento para funcionários do Hospital de Jucurutu


Reconhecendo a importância de ampliar a qualidade da assistência hospitalar e de atualizar o conhecimento dos profissionais da enfermagem do Hospital Maternidade do município, a Secretaria de Saúde de Jucurutu está realizando um trabalho pioneiro na região. Através de uma equipe especializada em treinamento para profissionais da saúde, a FOX RESGATE, está acontecendo o “I Ciclo de Treinamento da Enfermagem do Hospital Maternidade Terezinha Lula de Queiroz Santos”.
O treinamento consiste em duas etapas: treinamento para qualificação de parteiros, que ocorreu nos dias 16 e 17 deste mês; e treinamento em Atendimento Pré-Hospitalar - APH e principais urgências clínicas atendidas no pronto socorro do hospital, marcado para os dias 24 e 25 de fevereiro, e 03 e 04 de março.
O treinamento contou com aulas teóricas e práticas, como assistência ao parto, situações de gravidez de alto risco e urgências obstétricas.
A segunda etapa qualificará a equipe de Enfermagem para a assistência as urgências clínicas mais predominantes e para a assistência pré- hospitalar, além treinar e desenvolver habilidades e competências dos motoristas das ambulâncias do município para o auxílio a estes tipos de atendimentos.
Assecom - Prefeitura de Jucurutu/ RN




Compartilhe esta postagem

Mutirão de combate à Dengue mobiliza bairro Bela Vista, em Jucurutu



Visando intensificar as ações de combate ao mosquito transmissor da Dengue, Zika Vírus e Chinkugunya no município, a Prefeitura de Jucurutu, por meio das Secretarias de Saúde e Educação, realizou na última sexta-feira (23) mais uma ação educativa. O bairro Bela Vista foi o primeiro contemplado com o mutirão que contou com panfletagem, orientações nos domicílios e recolhimento de lixo.
“A população pode contribuir eliminando todos os focos e inibindo o desenvolvimento de larvas do Aedes Aegypti, principal transmissor das endemias”, destacou a secretária de Saúde, Marjorie Ovídio. Agentes de Saúde, de Endemias, secretários, coordenadores, técnicos de enfermagem e outros servidores públicos estiveram em campo contribuindo com o mutirão.





Compartilhe esta postagem