Planalto vê gesto político em ida de Huck ao Faustão



Integrantes do Palácio do Planalto avaliaram a participação de Luciano Huck no programa ‘Domingão do Faustão’, no último dia 7, como um gesto político da Rede Globo.
De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, os membros do governo afirmam que “do ponto de vista do marketing, a apresentação dele como agente político ali foi muito melhor do que em qualquer programa partidário”.
Diante da reação, a emissora divulgou nota na qual diz proibir funcionários que participarão das eleições de aparecer na programação. “A TV Globo reitera que não apoia qualquer candidato e que se limitará a realizar a cobertura jornalística das eleições de 2018, seguindo as regras de seus princípios editoriais”, informa o comunicado.
Apesar da nota, governistas avaliam que a entrevista de Huck repercutirá nas próximas pesquisas de opinião. Duas frases do apresentador do ‘Caldeirão’ têm aparecido com frequência nas redes sociais do Agora!, grupo liderado por ele: “Não existe salvador da pátria na política” e “Construímos muitos muros e poucas pontes”.

Share this

Related Posts

Compartilhe esta postagem